3/23/2012

Vuoi andare al cinema?

Ciao a tutti!

Ontem eu e o Vi encontramos umas amigas e fomos ao cinema. Foi uma experiência muito boa!
Assistimos um filme chamado "Quasi amici - Intouchables", cuja sinopse em português vocês podem ver clicando aqui. O filme é muito bom e com certeza vale a pena assistir, mas o mais legal da experiência não foi isso.
Aqui na Itália (e dizem que na França e Espanha também) existe uma lei que obriga quase todos os filmes, programas de tv e tudo o mais a serem dublados. São poucos os programas que passam na sua língua original e com legendas embaixo.
Isso é um pouco estranho, porque nos faz, por exemplo, assistir FRIENDS ou Arnold dublados, e devo dizer que é a coisa mais esquisita do mundo ouvir o Joey falar que trabalha na novela "I giorni della nostra vita" em vez de 'Days of our lives'.
Mas no geral, ouvir programas em italiano e sem legenda se tornou uma boa forma de treinar os ouvidos. E isso nos leva à experiência de ontem.
No início fiquei um pouco assustada com a ideia de assistir um filme inteiro em italiano, sem legendas e nem nada. Mas foi tudo bem mais tranquilo do que eu pensava. Consegui entender o filme inteiro, e foram poucas as palavras que não entendi. E o melhor: ouvi e entendi em italiano, sem traduzir. Isso é uma das primeiras coisas que se aprende em aula de língua.
Estávamos em 5: dois brasileiros (eu e o Vi), uma espanhola, uma alemã e uma suíça, todos falando em italiano. E fico bem feliz de perceber a nossa evolução na compreensão e na fala desde quando chegamos até agora.
Começaram as minhas aulas de italiano para estrangeiros (que a faculdade oferece) e estou gostando muito. Nossa classe é bem heterogênea. Teoricamente é do nível intermediário, mas tem tanto pessoas que não sabem falar direito quanto outras que falam quase fluentemente. A professora é sensacional, sempre sorrindo, muito simpática.
É impressionante a quantidade de alunos de medicina que tem por aqui. E é impressionante como os esteriótipos ligados aos cursos permanecem em qualquer lugar do mundo.
Na minha sala só tem três pessoas que não são europeias: eu e duas meninas mexicanas. Os alunos europeus que fazem intercâmbio são de um programa chamado 'Erasmus', e eles geralmente recebem uma bolsa mensal de valores diferentes. Então todos ficaram um pouco chocados em saber que nós três (eu e as mexicanas) viemos por conta própria, sem ajuda financeira da faculdade ou do governo. E mais chocados quando eu disse que no Brasil existe um programa Erasmus, mas que a média de vagas é de 30 pessoas para o Brasil inteiro.
Por fim...estávamos aqui sentados vendo tv quando começaram as propagandas. De repente, ouvimos o Michel Teló falando em italiano e fazendo propaganda explicando como se faz para baixar seus ringtones no celular. E é fato: MUITA gente tem 'ai se eu te pego' como ringtone por aqui...que fase, Brasil!

Baci!
SHARE:

2 comentários

  1. vamos ver se esse comentário vai pq o outro da minha inveja de vc ter visto van gogh ñ foi. rs
    chupa med em qlq lugar do mundo! rs
    aproveitem por ai!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu li uma vez que a tendência mundial é mesmoq ue os filmes legendados desapareçam, pq não tem como vc colocar todas as falas completas em legenda ou colocar a intensidade da expressão. O problema é achar dubladores decentes, pra não ficar aquela merda de esquema de dublagem do Discovery Channel.

    ResponderExcluir

© Carol Candido. All rights reserved.
Blogger Templates by pipdig